Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O CARTEIRO DA SAUDADE

A memória dos tempos passados é feita de objectos que a perpetuam. Aqui, cada peça conta uma história. E existe a possibilidade de ambas passarem a fazer parte da sua vida. Não falamos de antiguidades, falamos de peças com história. Desfrutem!

O CARTEIRO DA SAUDADE

A memória dos tempos passados é feita de objectos que a perpetuam. Aqui, cada peça conta uma história. E existe a possibilidade de ambas passarem a fazer parte da sua vida. Não falamos de antiguidades, falamos de peças com história. Desfrutem!

O Pote de uma Pequena Artista

DSCF2342.JPG

 

 

Ela estudava no Colégio Moderno. Era filha de um casal alentejano radicado em Lisboa, de classe média-alta, na década de 60. Os pais sonhavam que tirasse um curso bom, sério, de preferência na Faculdade de Letras. Mas a menina só gostava de rabiscar, fazer desenhos, queria ser artista... Sonho vão, pois os pais nunca o permitiriam...

 

Como era de bom tom, pediu para aprender a pintar louças, cerâmica, talvez os pais concordassem com tal ocupação, consentânea a uma menina da sua condição. Os pais anuiram e a rapariga lá se inscreveu num pequeno curso na Fundação Ricardo Espírito Santo.

 

DSCF2344.JPG

 

 

Uma das primeiras peças que comprou, quando começou a ganhar dinheiro para a sua independência, foi este pote chinês, adquirido numa casa da Baixa, que só vendia peças importadas da China. 

 

Passados estes anos, a menina tornou-se mulher e o tempo foi o seu algoz. Faleceu sem descendentes e o pote necessita de um novo lar...

 

Quer continuar a fazer a história desta peça? http://olx.pt/anuncio/pote-chins-IDvtdjM.html

2 comentários

Comentar post